Vereador Pedro Gomes comemora recuperação da rua Euclides da Cunha

terça-feira, 29 de novembro de 2016

Oportunidade: leilão de bens móveis será realizado nesta quarta-feira, 30 em Imperatriz


Conforme o secretário de Administração, os interessados deverão portar documentos de identificação
Iramar Cândido, secretário de Administração

Mais um leilão de bens móveis será promovido amanhã (30) de novembro pela prefeitura de Imperatriz. A medida visa fazer o descarte dos bens que já não tem utilidade pra o município.  Os Lances poderão ser registrados a partir das 16h no auditório da Secretaria de Administração, na Rua Simplício Moreira, n° 1478, Centro, Imperatriz/MA.

Os interessados já podem consultar o edital para se informar sobre os valores de cada lote, local do evento e demais critérios. O edital disponível no site da prefeitura http://www.imperatriz.ma.gov.br/ e também da Gr Leilões http://www.grleiloes.com/leiloes - empresa responsável pela realização do evento. Desde o dia 21 todos os lotes estão disponíveis para visitações.

Sobre os critérios para participar do leilão, os arrematantes e/ou interessados presentes deverão portar seus documentos de identificação: CPF e Identidade para pessoa física e CNPJ e Contrato Social para pessoa jurídica, os quais deverão ser obrigatoriamente apresentados ao leiloeiro oficial, no ato da arrematação, para emissão da nota de venda.

Conforme o secretário de Municipal de Administração, Iramar Candido a realização do leilão é medida que segue as diretrizes da Lei no que se refere ao descarte de bens públicos. No leilão anterior a prefeitura arrecadou mais de 150 mil que foi destinado ao tesouro municipal. Este ano ainda não vou divulgada a parcial. Mas o valor será menor porque o leilão atual tem poucos lotes para serem leiloados.

LOTES - No 1º lote está uma vw Kombi, placa HOO-1477. No 2º lote, um Fiat Doblô EX. placa HPZ-0247. Terceiro lote está uma máquina de pintura viária Diesel, cor amarela. No 4º lote uma Patrol New Roland RG 140-B. No 5º lote estão sucatas contendo: condicionadores de ar, monitores, CPU´s, impressoras, TV´s, cadeiras, freezers, mesas, armários, e sucatas de diversos materiais. Para Iramar, o leilão dos bens móveis em desuso, é relevante para promover a sustentabilidade, visto que a maioria dos itens são materiais recicláveis. E acrescenta “Além de promover sustentabilidade, essa ação vai gerar recursos e os mesmos serão destinados para compra de novos equipamentos”, garante. [Eva Fernandes - Ascom]


                                       

Comente com o Facebook: