Vereador Pedro Gomes comemora recuperação da rua Euclides da Cunha

sexta-feira, 9 de junho de 2017

Assis Ramos e João Marcelo participarão do lançamento do Programa ID Jovem


Programa oferece benefícios da meia-entrada, gratuidade e descontos em viagens interestaduais
O deputado João Marcelo, defensor do Estatuto da Juventude, afirma que a implantação capacitará gestores e assistentes sociais nas cidades de Imperatriz e Grajaú

            Desembarcou ontem, 08, no aeroporto Renato Cortez Moreira, em Imperatriz, o deputado federal João Marcelo Souza (PMDB-MA). Ele foi recepcionado pelo secretário de Governo, Marlon Moura; o chefe de gabinete do prefeito, Marcelo Sousa, e o presidente da CPL, Luís Gomes Júnior. O deputado vai participar do lançamento do programa Identidade Jovem, realizado hoje, às 8h40, no auditório da Secretaria Municipal de Saúde (Semus), na Avenida Dorgival Pinheiro de Sousa, no Centro.
            ID Jovem é o documento que possibilita acesso aos benefícios de meia-entrada em eventos artístico-culturais e esportivos e também a vagas gratuitas ou com desconto no sistema de transporte coletivo interestadual, além da gratuidade da inscrição do ENEM. O deputado João Marcelo, defensor do Estatuto da Juventude, afirma que a implantação capacitará gestores e assistentes sociais nas cidades de Imperatriz e Grajaú. “É um programa excepcional que proporcionará vários benefícios à juventude carente, de 15 a 29 anos, além de implementar a Estação da Juventude” – destacou.
            Segundo ele, o evento contará com a presença do secretário Nacional de Juventude, Assis Filho, dos prefeitos de Imperatriz, Assis Ramos, e de Grajaú, Mercial Arruda, e do deputado estadual Roberto Costa (PMDB), ex-secretário de Estado de Juventude, entusiastas do ID Jovem no Maranhão.
            Em Imperatriz, quase 29 mil jovens estão aptos a fazer a ID Jovem.  O programa é destinado às pessoas com renda mensal de até dois salários mínimos e inscritos no Cadastro Único do Governo Federal, com informações atualizadas há pelo menos 24 meses. O benefício vale também para não estudantes. O beneficiário, para ser incluído, poderá atualizar os dados no Centro de Referência de Assistência Social (CRAS).

Comente com o Facebook: