Vereador Pedro Gomes comemora recuperação da rua Euclides da Cunha

terça-feira, 13 de junho de 2017

Câmara de Montes Altos debate projeto que concede reajuste salarial aos servidores da Educação

Prefeito Ajuricaba Abreu debaterá implantação  do Plano de Cargos, Carreiras e Salários dos servidores da Educação
 
Vereador-presidente Nil Gomes destaca aprovação do projeto que concede reajuste aos servidores


O Projeto de Lei nº 001/12, de autoria do Poder Executivo, que concede reajuste nos vencimentos dos servidores públicos lotados na Secretaria de Educação (Semed) está sendo debatido pela Câmara Municipal de Montes Altos.

De acordo com o projeto, a Prefeitura deverá conceder retroativo a 1º de maio reajuste de 8,5% a todos os servidores municipais efetivos da Secretaria Municipal de Educação.

Além disso, o município deverá adotar a data-base dos professores, coordenadores, diretores, vigias, nutricionista, motorista, auxiliares de serviços gerais e auxiliares administrativos cobertos com o recurso do Fundeb para efeitos de revisão salarial da categoria representada pelo Sindicato dos Trabalhadores na Educação de Montes Altos (Sintema), de 1º de maio 2017 a 30 de abril de 2018.

O município concederá ainda reajuste de incentivo funcional I de 8% para 10% para todos os professores efetivos de regência de sala, retroativo a 1º de maio de 2017. E concederá vale-alimentação aos servidores efetivos que ocupa os cargos de vigia, auxiliar de serviços gerais, técnico administrativo, motorista e nutricionista no valor fixado de R$ 120,00, a partir de 1º de maio de 2017.

Outro benefício que deverá ser concedido é o reajuste no incentivo funcional, nível III, passando para R$ 100,00, a título de plano de saúde, bem como fornecerá aos servidores públicos municipais materiais, para o melhor desempenho das atividades dos servidores na sua área de atuação.

“Também será debatido que o município, através do prefeito Ajuricaba Abreu, iniciará no prazo de 90 dias as discussões com o Sintema e demais órgãos da municipalidade sobre a implantação do Plano de Cargos, Carreiras e Salários dos Servidores da Educação cobertos com os 60% e 40% do Fundeb”, disse o vereador-presidente Nil Gomes. 


Comente com o Facebook: